Achados & Perdidos

[ Achados & Perdidos ]

Num piscar de olhos

A luz me envolve por inteiro

Ofusca e atordoa

Todos buscam a luz

Algo os impede de alcançar

Batem a cabeça, mas continuam

Alguns desistem

Outros conseguem

Muitos já estão próximos da luz,

conseguiram uma passagem

Desiludidos, querem retornar

mas não conseguem

Desesperados

enlouquecem e partem

para outra dimensão

Num piscar de olhos

o corpo em contato com a luz

cai e fica inerte

É maravilhoso voar, sentir a liberdade

Como podem ser tão irracionais?

Esse é o preço a pagar

Ouço um grito agudo

De volta ao planeta Terra

abaixo o volume do som

lentamente

É a minha mãe chamando

— Menina, ainda não limpou

a luminária do teto?

Estou inerte

Não consigo responder

Sinto medo e nojo desses

insetos insignificantes

Como ela gesticula muito

eu apago a luz

by  Tereza Yamashita
Obs: Mosca (autor Ángel Encija) dobrado por Tereza Yamashita.


Anúncios

2 pensamentos sobre “Achados & Perdidos

  1. A infância estabeleçe uma relação tão poética com as coisas, que muitas vezes quando adulto, o que se busca é recuperar esse olhar que acabou se moldando à praticidade.
    Lindo poema.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s